Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Rússia veta criação de tribunal especial para investigar tragédia do MH17

© REUTERS / Maxim ShemetovRestos do Boeing 777 da Malaysia Airlines, no leste da Ucrânia
Restos do Boeing 777 da Malaysia Airlines, no leste da Ucrânia - Sputnik Brasil
Nos siga no
A Rússia vetou nesta quarta-feira no Conselho de Segurança da ONU uma resolução pedindo a criação de um tribunal especial para julgar os responsáveis pela queda do voo MH17 no leste da Ucrânia em julho de 2014.

Obras de resgate no local da queda do voo MH17, em Donbass - Sputnik Brasil
Putin sobre voo MH17: ‘permanecem muitas perguntas sobre a investigação’
Ao todo, 11 países votaram a favor do documento, enquanto China, Venezuela e Angola se abstiveram. 

Apesar do veto, o representante permanente da Rússia na ONU, Vitaly Churkin, informou que Moscou está disponível para continuar cooperando com a investigação das causas do acidente com o Boeing malaio na Ucrânia.

"A Rússia está disposta a continuar contribuindo para uma plena investigação independente e objetiva das causas e circunstâncias do desastre da aeronave malaia com base nas determinações da resolução de Conselho de Segurança da ONU 2166, com o objetivo de identificar os culpados e da sua subsequente punição. A posição adotada por nós hoje não tem nada a ver com a promoção de impunidade" – declarou Churkin ao fim da votação do Conselho de Segurança da ONU.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала