Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Pentágono confirma morte de um dos líderes da Al-Qaeda

© East News / Pacific PressMembros da Al-Qaeda posam para foto com os rostos cobertos
Membros da Al-Qaeda posam para foto com os rostos cobertos - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Pentágono anunciou nesta sexta-feira a morte de um dos líderes da rede terrorista Al-Qaeda, bem como de outros dois integrantes do grupo, durante um bombardeio da força aérea norte-americana, em 11 de julho deste ano, no Afeganistão.

Militantes do Estado Islâmico (EI) - Sputnik Brasil
EUA subestimam consequências de possível colapso da Al-Qaeda
"Nós podemos confirmar que um destacado comandante operacional da Al-Qaeda, Abu Khalil Al-Sudani, foi morto em consequência de um bombardeio da força aérea dos EUA na província afegã de Paktika, em 11 de julho de 2015" – declarou o porta-voz do Pentágono Peter Cook.

Anteriormente a agência Reuters havia informado, cirando como fonte a comunidade militar norte-americana, que um alto comandante do grupo terrorista havia sido morto durante um ataque aérea dos EUA no Afeganistão.

"Al-Sudani era um dos três violentos extremistas mortos no ataque. A morte dele vai prejudicar as operações da Al-Qaeda em todo o mundo" – revelou uma declaração do Pentágono divulgada no Iraque.

O Pentágono descreveu Al-Sudani como um destacado membro da 'shura' (conselho consultivo muçulmano) e líder de operações suicidas da rede terrorista, afirmando, ainda, que o dirigente estava diretamente envolvido no planejamento de ataques contra os Estados Unidos.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала