Estado Islâmico explode estádio olímpico no Iraque

© AP PhotoRamadi
Ramadi - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O grupo terrorista Estado Islâmico utilizou 3,5 toneladas de explosivos para destruir, no domingo (19), um grande estádio olímpico na cidade de Ramadi, no centro do Iraque. A construção era o maior centro esportivo da região, segundo informou o jornal Elaph.

A cidade iraquiana de Khan Bani Saad após o ataque com carro-bomba da última sexta-feira (18) - Sputnik Brasil
Putin envia condolências ao governo do Iraque
Localizado a alguns quilômetros de distância de Ramadi, na província de Al Anbar, o estádio foi minado com vários explosivos colocados em diferentes partes da instalação, detonados por controle remoto.

Ainda de acordo com o jornal Marca, a destruição do estádio faz parte de uma estratégia do EI para tomar Ramadi, tendo também sido colocados nos últimos dias explosivos em diversas construções da cidade.

O estádio, que foi concebido como um dos grandes projetos do Iraque para o pós-guerra de 2003, estava 60% construído e o valor total das obras era estimado em 1,25 bilhão de dólares.

Forças iraquianas e milicianos xiitas com bandeira do Estado Islâmico em Tikrit, 31 de março de 2015 - Sputnik Brasil
Luta contra EI durará décadas, diz chefe do Exército americano
O Estado Islâmico controla hoje uma parcela significativa dos territórios da Síria e do Iraque. Apesar de um extenso programa envolvendo cinco mil soldados, o exército iraquiano não conseguiu conter os avanços recentes do grupo jihadista. Ramadi, localizada a cerca de 130 quilômetros de Bagdá, foi capturada pelos militantes do EI em 17 de maio, em uma operação relâmpago que forçou a fuga precipitada dos soldados iraquianos.

Há uma semana, as Forças de Segurança do Iraque e as milícias xiitas iniciaram uma segunda ofensiva, cujo principal objetivo é recuperar Ramadi.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала