Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Presidenta Dilma desembarca em Ufá, na Rússia, para a VII Cúpula dos BRICS

© Roberto Stuckert Filho/ PRPresidenta Dilma Rousseff durante sua chegada a Rússia para VII Cúpula do BRICS
Presidenta Dilma Rousseff durante sua chegada a Rússia para VII Cúpula do BRICS - Sputnik Brasil
Nos siga no
A presidenta Dilma Rousseff desembarcou nesta quarta-feira (8) na cidade de Ufá, na Rússia, onde, na companhia dos chefes de Estado da Rússia, Índia, China e África do Sul, participará do sétimo encontro anual do BRICS.

Cúpulas do BRICS e OCX em Ufá - Sputnik Brasil
Cúpulas do BRICS e SCO já começaram
Ao desembarcar em Ufá, a presidenta foi recebida com a tradicional cerimônia russa do pão e sal, usada para receber hóspedes importantes que chegam ao país, informou o Blog do Planalto. 

Mais tarde, a presidenta participou de um jantar típico oferecido pelo presidente da Federação da Rússia, Vladimir Putin, em homenagem aos chefes de Estado e de governo do BRICS. Em seguida, foi realizado um encontro bilateral com o presidente Putin.

No último dia 3 de julho, entrou em vigor o Acordo sobre o Novo Banco de Desenvolvimento do BRICS (NDB). Os líderes do bloco discutirão as perspectivas para a nova instituição. 

Segundo o divulgado pelo site do Itamaraty, a Cúpula contará com a participação do Presidente do Banco, o indiano K. V. Kamath, eleito nesta terça-feira durante a primeira reunião do Conselho de Governadores do Banco, realizada em Moscou. A criação do NDB ocorreu em julho do ano passado, na última reunião dos países do grupo, em Fortaleza, no Ceará.

Além disso, os chefes de Estado têm em pauta a implementação do Arranjo Contingente de Reservas do BRICS, que entra em vigor em 30 de julho. o Arranjo Contingente de Reservas (CRA, na sigla em inglês) no valor de US$ 100 bilhões, dos quais US$ 41 bilhões virão da China. O Brasil, a Rússia e a Índia contribuirão com US$ 18 bilhões cada, e a África do Sul aportará US$ 5 bilhões.

Cidade russa de Ufá está recebendo a sétima cúpula do BRICS - Sputnik Brasil
Brasil aposta no sucesso da cooperação entre os países do BRICS
A cúpula do BRICS terá duração de dois dias. O presidente chinês, Xi Jinping, o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, e o presidente sul-africano, Jacob Zuma, também chegaram nesta quarta-feira a Ufá, onde tiveram encontros bilaterais com o presidente russo.

Os países do grupo representam um quinto da economia mundial e 40% da população do planeta.


Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала