Maradona revela interesse por vice-presidência da Fifa

© AP Photo / Gregorio BorgiaDiego Armando Maradona
Diego Armando Maradona - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O ex-jogador de futebol e hoje treinador Diego Maradona revelou que gostaria de se tornar vice-presidente da Fifa, caso o príncipe jordaniano Ali Bin al-Hussein vença as eleições para presidir a organização, afetada por recentes denúncias de corrupção e outras ilegalidades que levaram à renúncia do suíço Joseph Blatter na última terça-feira.

O interesse de Maradona pelo cargo foi confirmado por ele mesmo, na noite do último domingo, durante uma entrevista a um programa de TV da Argentina. 

"Se o príncipe Ali ganhar, tenho grandes chances de me tornar vice-presidente da Fifa. E se eu conseguir, farei tudo de maneira clara" disse aos jornalistas, por telefone, o eterno ídolo argentino, criticando Blatter, o francês Michel Platini, presidente da UEFA, e o ex-jogador português Luís Figo, que havia manifestado o interesse ao cargo de presidente da Fifa, mas acabou retirando sua candidatura dias antes da reeleição de Blatter, no final do mês passado. 

Nicolás Maduro, presidente da Venezuela. - Sputnik Brasil
Nicolás Maduro quer Diego Maradona na presidência da FIFA

"Platini deveria se explicar sobre as 187 partidas arranjadas por ele, que ele mesmo me disse em Dubai", declarou Maradona, antes de dizer que Blatter tem medo do FBI e da polícia suíça e que Figo tinha menos palavra do que "Bernardo, o amigo (mudo) do Zorro". 

Ao saber das declarações do argentino, o português disse que tinha muita admiração pelo futebol de Maradona, mas que lamenta o seu trajeto fora dos gramados. Figo acrescentou que "há alguns que quando estão calados são uns poetas e outros que só estão conscientes quando estão a dormir".


Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала