- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Senador Luiz Henrique, patrono da Escola Bolshoi Brasil, falece aos 75 anos

© Divulgação / Bolshoi BrasilValdir Steglich, presidente da Escola Bolshoi Brasil, Vladimir Vasiliev, coreógrafo que implantou a instituição, e o senador Luiz Henrique Silveira.
Valdir Steglich, presidente da Escola Bolshoi Brasil, Vladimir Vasiliev, coreógrafo que implantou a instituição, e o senador Luiz Henrique Silveira. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Morreu na tarde de domingo (10), em Joinville, o senador Luiz Henrique da Silveira (PMDB), de 75 anos (na foto com o presidente da Escola Bolshoi Brasil, Valdir Steglich, e o coreógrafo Vladimir Vasiliev). Ele sofreu um infarto em casa e chegou a ser levado a um hospital, mas não resistiu.

Além de senador por Santa Catarina, Luiz Henrique foi deputado estadual, deputado federal, governador e ministro da Ciência e Tecnologia entre outubro de 1987 e julho de 1988. Por duas vezes, assumiu a prefeitura de Joinville, sendo decisivo para a implantação da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, a única fora da Rússia, no ano 2000.

Em nota, a instituição decretou luto de sete dias “como forma de homenagear o seu patrono e um dos maiores políticos do Brasil”. O texto segue dizendo que a “sua integridade, visão pública e inteligência serão reverenciadas para sempre”. A Escola Bolshoi ainda destaque uma de suas frases: “A cidade sem cultura é um mero depósito de gente, sem destino e sem futuro”.

A Presidente Dilma Rousseff, também em nota, lamentou a morte de Luiz Henrique e afirmou que o “Brasil e Santa Catarina perdem um de seus grandes filhos… um homem de princípios democráticos, disposição para o diálogo e imenso amor pelo seu povo e sua terra”.

 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала