Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

FBI: EUA usam Primavera Árabe como bode expiatório

Nos siga no
Os tumultos causados pela Primavera Árabe no Oriente Médio podem ser usados por agências de inteligência dos EUA para ocultar os erros da operação Guerra ao Terror, disse à Sputnik Coleen Rowley, ex-agente da Agência Federal de Investigação (FBI).

“A Primavera árabe foi só um bode expiatório para ocultar a culpa da Guerra ao Terror [iniciativa militar iniciada pelos Estados Unidos a partir dos ataques de 11 de setembro], mas essa explicação não é mais clara do que explicação oficial de que “eles odeiam nossa liberdade”, disse Rowley na terça-feira, comentando o novo livro do ex-agente da Agência Central de Inteligência (CIA), Michael Morell.

Estado Islâmico - Sputnik Brasil
Jogos terroristas: Estado Islâmico e Talibã declaram jihad um contra outro
No livro, Morell comenta o fato que os serviços da inteligência não anteciparam que a Al-Qaeda conseguiria aproveitar a turbulência política no Oriente Médio durante a Primavera Árabe e recuperar as forças, apesar da morte de seu líder Osama bin Laden em 2011.

Coleen Rowley disse que aplaude Morell por este reconhecer que a CIA e outras agências de inteligência dos EUA subestimaram completamente o crescente perigo da Al-Qaeda e das várias "hidras do Estado Islâmico" que apareceram na região.

Entretanto, Rowley nota que caos violento no Oriente Médio começou não apenas por causa da Primavera Árabe. Ela argumenta que a crise na região é resultado dos "erros das guerras preventivas e ilegais dos EUA" e da ocupação do Iraque, Afeganistão e Líbia e a destruição de suas infraestruturas.

A especialista também observou que a confiança dos Estados Unidos em esforços globais para estabelecer a democracia, os direitos humanos e a paz na região foi "ingénua e totalmente ridícula".

Ela acrescentou que os assassinatos de líderes terroristas e insurgentes só ajudaram ao recrutamento de grupos terroristas e, portanto, promoveram o terrorismo. Rowley concluiu que as agências de inteligência dos EUA deveriam tirar conclusões a partir da guerra contra as drogas, que mostrou que a eliminação dos barões de droga apenas serve para aumento do tráfico e diminuição dos preços das drogas ilegais nos Estados Unidos.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала