Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Putin prestará homenagem às vítimas do genocídio armênio

© AFP 2021 / JOSEPH EIDKhatchik Bakalian, um libanês armênio de 73 anos cujos pais fugiram do genocídio de armênios sob o Império Otomano em 1915, aponta para uma foto de seus pais no álbum de família
Khatchik Bakalian, um libanês armênio de 73 anos cujos pais fugiram do genocídio de armênios sob o Império Otomano em 1915, aponta para uma foto de seus pais no álbum de família - Sputnik Brasil
Nos siga no
O presidente russo, Vladimir Putin, visitará esta semana a capital da Armênia, Yerevan, a convite do chefe de Estado Serzh Sargsyan, para participar dos eventos comemorativos dedicados ao 100º aniversário do genocídio armênio no Império Otomano, segundo informou o serviço de imprensa do Kremlin nesta segunda-feira (20).

"Como parte da visita, será realizado um encontro entre os presidentes da Rússia e da Armênia. Serão debatidas as questões da agenda bilateral, a cooperação em associações de integração e também questões regionais e internacionais da atualidade", diz o comunicado.

O programa principal dos eventos comemorativos em Yerevan está previsto para a sexta-feira (24), porque os armênios reconhecem o dia 24 abril de 1915 como o início do genocídio armênio.

Presidente da Turquia Recep Tayyip Erdogan - Sputnik Brasil
Governo turco recusa acusações sobre Genocídio Armênio
Antes da Primeira Guerra Mundial, a população armênia no Império Otomano era de cerca de 2,5 milhões de pessoas. Em 1915, como resultado da deportação em massa e dos assassinatos sistemáticos, entre 600 mil e 1,5 milhão de armênios morreram, de acordo com estimativas variadas.

O governo turco reconhece os assassinatos em massa, mas não aceita o uso do termo genocídio e insiste em afirmar que o número de mortos foi exagerado. De acordo com Ancara, as mortes de armênios não foram resultado de uma política específica do governo, mas sim devido à guerra civil no Império Otomano, na qual os turcos também teriam sido vítimas.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала