Naufrágio no Mediterrâneo pode ter matado mais de 700 pessoas

© AP Photo / Guarda Costeira da ItáliaResgate após naufrágio no Mediterrâneo.
Resgate após naufrágio no Mediterrâneo. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A porta-voz do Alto Comissariado da ONU para os Refugiados (Acnur), Carlotta Sami, divulgou que o número de imigrantes que podem ter morrido no Mediterrâneo neste domingo (19) pode chegar a mais de 700. Eles estavam em um barco que afundou a cerca de 110 Km da costa da Líbia.

O número teria sido informado pelas 28 pessoas resgatadas por um navio mercante e caso seja confirmado será a pior tragédia já ocorrida no Mediterrâneo, segundo a Acnur. Até o momento, 21 corpos foram resgatados.

A União Europeia promoverá uma reunião de emergência com ministros do Interior e das Relações Exteriores do bloco para tratar a questão dos imigrantes irregulares no Mediterrâneo. Nas últimas semanas, dois acidentes na região fizeram, aproximadamente, 450 vítimas fatais.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала