Putin comenta litígio territorial com Japão

© SputnikIlhas Curilhas
Ilhas Curilhas - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A posição da Rússia em relação às ilhas Curilas e as relações com o Japão não mudaram depois da reunificação da Crimeia com a Rússia, disse o presidente russo, Vladimir Putin em um encontro com jornalistas após a Linha Direta nesta quinta-feira.

Quer dizer, a Rússia considera as ilhas Curilas como parte do seu território.

O líder russo ressaltou que não se pode comparar a Crimeia com as Curilas, porque "as pessoas lá não irão votar a favor da reunificação com o Japão".

Contudo, aa Rússia está pronta para um diálogo com o Japão, sempre que seja baseado em documentos ratificados.

Além disso, o líder russo declarou que foram a União Soviética e a China quem fizeram a maior contribuição na vitória sobre o nazismo alemão e o militarismo japonês.

O arquipêlago das ilhas Curilas, objeto de litígio entre a Rússia e o Japão, está situado entre a península russa de Sacalina e o Japão. O arquipêlago tornou-se território russo depois da Segunda Guerra Mundial.

 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала