Senado mexicano considera possível zona de livre comércio com Cuba

© AFP 2022 / Alejandro Ernesto / Abrir o banco de imagensPresidente do México, Enrique Peña Nieto, conversa com seu homólogo cubano, Raúl Castro, em Havana
Presidente do México, Enrique Peña Nieto, conversa com seu homólogo cubano, Raúl Castro, em Havana - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Aproveitando a retomada das relações entre Cuba e Estados Unidos, senadores do México apresentaram uma proposta na última terça-feira (14) com o objetivo de fortalecer os laços econômicos com a ilha caribenha através de uma zona de livre comércio.

De acordo com um comunicado divulgado pela câmara alta do Congresso mexicano, endereçado ao presidente do país, Enrique Peña Nieto, o México teria muito a ganhar aumentando a cooperação bilateral com Cuba, já que passaria a ter acesso a novos mercados. 

Em novembro passado, o presidente dos EUA, Barack Obama, anunciou a intenção de normalizar as relações diplomáticas entre Washington e Havana, rompidas há várias décadas, e acabar de vez com o embargo econômico, comercial e financeiro imposto a Cuba. Para os mexicanos, que têm mantido boas relações com os cubanos apesar do embargo, ainda vigente, essa mudança pode representar uma grande oportunidade, segundo acreditam os parlamentares.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала