Rússia solicita à ONU pausa humanitária nos conflitos no Iêmen

© REUTERS / Mohamed al-SayaghiMoradores sobre os escombros de casas destruídas após um ataque aéreo na vila de Okash, perto de Sanaa, no Iêmen
Moradores sobre os escombros de casas destruídas após um ataque aéreo na vila de Okash, perto de Sanaa, no Iêmen - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Rússia está solicitando ao Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) uma "pausa humanitária" nos conflitos no Iêmen para ajudar diplomatas e civis atingidos nos combates entre rebeldes xiitas e militantes leais ao presidente do país, Abed Rabbo Mansour Hadi.

A Rússia convocou uma reunião de emergência do Conselho neste sábado, e diplomatas disseram que fizeram uma proposta que almeja uma pausa nos ataques por razões humanitárias.

O embaixador russo Vladimir Safronkov, adjunto à ONU, disse que esta pausa é muito importante para ajudar os diplomatas e civis que estão no meio da guerra.

O vice-embaixador da ONU, Peter Wilson, da Grã-Bretanha, lamentou pelas vítimas civis, mas disse que a Grã-Bretanha continua a apoiar a operação militar liderada pela Arábia Saudita contra os rebeldes xiitas. 

fonte: Estadão Conteúdo

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала