Kremlin: implementação dos acordos de Minsk é "crucial" na Ucrânia

© AP Photo / Evgeniy MaloletkaCarro da OSCE em frente a veículo militar ucraniano
Carro da OSCE em frente a veículo militar ucraniano - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Ainda é muito cedo para discutir a posição da Rússia sobre o envio de forças de paz das Nações Unidas à Ucrânia, diz porta-voz do governo russo.

Um rígido cumprimento dos acordos de Minsk é crucial para a reconciliação na Ucrânia e quaisquer tentativas de prejudicar o processo devem ser contidas, disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, nesta terça-feira.

"É de extrema importância hoje que continuemos a implantação dos acordos de Minsk e Minsk-2 e evitemos quaisquer passos que prejudiquem esse processo", disse Peskov em conversa com jornalistas.

Peskov disse ainda que é cedo demais para discutir a posição da Rússia sobre o envio das Forças de Manutenção da Paz  da ONU até as regiões de conflito no leste da Ucrânia.

"O assunto não foi discutido pelo Conselho de Segurança da ONU ainda. Não nos precipitemos. Levemos este processo passo a passo", afirmou.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала