Fotojornalista da Rossiya Segodnya ganha concurso internacional

Nos siga noTelegram
Valeri Melnikov, fotojornalista em missões especiais da agência de notícias Rossiya Segodnya, tornou-se vencedor do concurso internacional Sony WPA.

A fotografia intitulada "Dias Escuros da Ucrânia" ficou em primeiro lugar na categoria de "Notícias".

A foto foi tirada por Valeri Melnikov durante uma viagem pela Ucrânia, no início de julho de 2014. A obra mostra os moradores da povoação de Luganskaya salvando-se de um incêndio originado por um ataque aéreo das Forças Armadas da Ucrânia.

© Sputnik / Valeriy MelnikovHabitantes da aldeia de Luganskaya escapando de um incêndio resultante de um ataque aéreo das Forças Armadas da Ucrânia.
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
1/10
Habitantes da aldeia de Luganskaya escapando de um incêndio resultante de um ataque aéreo das Forças Armadas da Ucrânia.
© Sputnik / Valeriy MelnikovUma casa destruída durante bombardeios de artilharia.
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
2/10
Uma casa destruída durante bombardeios de artilharia.
© Sputnik / Valeriy MelnikovUma criança em um ônibus no posto de fronteira de Izvarino (região de Luhansk).
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
3/10
Uma criança em um ônibus no posto de fronteira de Izvarino (região de Luhansk).
© Foto / Valeriy MelnikovUm combatente da milícia de Donbass durante o treinamento no posto de fronteira de Krasny Partizan.
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
4/10
Um combatente da milícia de Donbass durante o treinamento no posto de fronteira de Krasny Partizan.
© Sputnik / Valeriy MelnikovUm funcionário da equipe de resposta rápida descansando antes da patrulha durante toque de recolher em Lugansk.
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
5/10
Um funcionário da equipe de resposta rápida descansando antes da patrulha durante toque de recolher em Lugansk.
© Sputnik / Valery MelnikovMilícias da autoproclamada República Popular de Lugansk (RPL) na linha de defesa perto de Lugansk.
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
6/10
Milícias da autoproclamada República Popular de Lugansk (RPL) na linha de defesa perto de Lugansk.
© Sputnik / Valeriy MelnikovMoradores da aldeia de Lugansk, submetida a ataques aéreos das Forças Armadas da Ucrânia.
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
7/10
Moradores da aldeia de Lugansk, submetida a ataques aéreos das Forças Armadas da Ucrânia.
© Sputnik / Valeriy MelnikovUma residente de Lugansk perto de sua casa, destruída no bombardeio das forças governamentais da Ucrânia.
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
8/10
Uma residente de Lugansk perto de sua casa, destruída no bombardeio das forças governamentais da Ucrânia.
© Sputnik / Valeriy MelnikovSoldado do exército ucraniano feito prisioneiro, na sede da milícia da autoproclamada República Popular de Lugansk.
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
9/10
Soldado do exército ucraniano feito prisioneiro, na sede da milícia da autoproclamada República Popular de Lugansk.
© Sputnik / Valeriy MelnikovO corpo de uma residente local, na aldeia de Lugansk, após ataques aéreos das Forças Armadas da Ucrânia.
Dias Escuros da Ucrânia - Sputnik Brasil
10/10
O corpo de uma residente local, na aldeia de Lugansk, após ataques aéreos das Forças Armadas da Ucrânia.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала