Erdogan diz que sanções estadunidenses contra Cuba são injustas

© AFP 2022 / ADALBERTO ROQUEPresidente da Turquia Recep Tayyip Erdogan
Presidente da Turquia Recep Tayyip Erdogan - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
As sanções impostas pelos EUA contra Cuba não são humanas nem justas, disse o presidente turco Recep Tayyip Erdogan durante a sua visita oficial a Cuba, citado pela agência Anadolu.

O bloqueio econômico dos EUA contra Cuba já dura por mais de 50 anos. O presidente dos EUA, Barack Obama, e o líder cubano, Raúl Castro, anunciaram em dezembro de 2014 a retirada iminente de algumas restrições na área de comércio, investimentos e viagens impostas pelos EUA. Porém, não se trata de abolição do embargo comercial.

Erdogan relaciona o baixo nível de intercâmbio comercial entre Cuba e a Turquia, que atinge somente 28 milhões de dólares, com o bloqueio econômico. Porém, segundo anunciou o presidente turco, a companhia aérea Turkish Airlines está pronta a lançar voos entre Istambul e Havana. Erdogan considera que tal contribuirá para o desenvolvimento de laços econômicos, culturais e turísticos entre os dois países.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала